UMM prateado

Antecedentes deste UMM

Este UMM foi comprado a um reformado inglês radicado no Algarve, que o conservava bem. Tinha-o adquirido já em boa condição a dois irmãos de Castelo Branco que também o conservavam bem. Talvez pelo evidente bom aspeto nas fotos do anúncio de venda, foi um carro que gerou muitos contactos de interessados, e só veio parar a esta coleção porque o conservador terá sido o único dos interessados que se deslocou ao Algarve para o conhecer, em plena primeira vaga pandémica de COVID-19, num contexto de pessimismo económico, de medo generalizado e de um Estado de Emergência que impossibilitava viagens que não fossem de serviço.

Estava com a configuração de soft top, mas com muitos sinais de ter tido originalmente hardtop.

Vida deste UMM na coleção

Dada a semelhança deste UMM com um de cor cinza prata de fotos de fábrica, o UMM serviu de base para replicar mais uma viatura de catálogo.

Foi totalmente reconstituído em 2021, com as soluções UMM mais sofisticadas e muitas peças originais a estrear, sem olhar a custos, com o intuito de uso pessoal diário. Acabou por ser vendido rapidamente, por pressão da procura de UMMs com restauro sofisticado e para sustentar o crescimento da coleção.

Ficou com um reformado francês habituado a viajar pelo Sahara com viaturas todo-o-terreno.

Como foi um marco de sofisticação dos restauros de UMM, deixou um vazio muito sentido na coleção, que acabará por ter que ser preenchido com outro UMM prateado com autocolantes vermelhos e interiores em cinza, mais tarde ou mais cedo.